Quarta-feira 11 Sha'ban 1445 - 21 Fevereiro 2024
Portuguese

Tahiyat al-Masjid nos momentos em que a oração não é permitida

Pergunta

Se uma pessoa entra na Masjid durante um dos momentos em que fazer a oração é makruh (por exemplo, nascer do sol, pôr do sol, zawaal...), ela ainda deve rezar dois rakaat Tahiyat Al-masjid.

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Há divergências entre os estudiosos a respeito desse assunto. A opinião correta é que o Tahiyat al-masjid é permitido em todos os momentos, mesmo depois do Fajr e depois do 'Asr, por causa da aplicabilidade geral do hadith: “Quando alguém entra na mesquita, não deve se sentar até que ofereça duas rak'ahs” (Sahih – muttafac alaihi), e também, porque esta é uma das orações que é feita por uma razão específica, como Salaat al-Tawaaf (oração feita após circundar a Ka'bah) e Salaat al-Kusuf (oração no momento de um eclipse). A visão correta a respeito de tudo isso é que é permitido oferecê-las em momentos em que a oração geralmente não é permitida, assim como compensar orações perdidas. A respeito de Salaat al-Tawaaf, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Ó Banu ‘Abd Manaaf, não impeça ninguém de circundar esta Casa e rezar a qualquer hora da noite ou do dia.” (Relatado por Imaam Ahmad e os autores de Sunan com um isnaad sahih); a respeito da Salaat al-Kusuf, ele (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “O sol e a lua são dois dos Sinais de Allah; eles não são eclipsados ​​por causa da morte ou vida de ninguém.” (1/332).

A Fonte: Sheikh Muhammed Salih Al-Munajjid