Segunda-feira 16 Muharram 1446 - 22 Julho 2024
Portuguese

Não há expiação para um juramento falso, exceto o arrependimento sincero

Pergunta

Ouvi dizer que aquele que faz um juramento falso (yamin al-ghamus) estará imerso (taghmis) no Inferno, e que não há expiação para isto. Isso significa que não há arrependimento desse pecado?
Allah perdoará todos os pecados se o arrependimento for sincero?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Em primeiro lugar:

Yamin ghamus se refere a um juramento falso e maligno, como aquele em que uma pessoa consome ilegalmente a propriedade de outra. Chama-se ghamus porque imerge (taghmis) aquele que faz isso no pecado e depois no inferno. Isso foi afirmado por Ibn al-Athir em an-Nihaayah (3/724).

Em segundo lugar:

Foi dito em al-Mawsu’ah al-Fiqhiyyah (35/41):

Os fuqaha' diferiram quanto à necessidade de expiação no caso de um juramento falso. Existem dois pontos de vista:

1 – Que não é obrigatório expiar o juramento falso. Esta é a visão da maioria dos fuqaha’: os Hanafis, Maalikis e Hanbalis.

2 – Que é obrigatório expiar o juramento falso. Esta é a visão dos Shaafa'is.

Cada grupo ofereceu evidências para apoiar seu ponto de vista. Fim da citação.

Veja: Badaa'i' al-Sanaa'i' (3/3), al-Taaj wa'l-Iklil (3/266) e Kashf al-Qinaa' (6/235).

Foi dito em Fataawa al-Lajnah al-Daa'imah (23/133):

Yamin ghamus é um pecado grave, para o qual nenhuma expiação é suficiente já que é um pecado gravíssimo. Nenhuma expiação é necessária para isso, de acordo com a mais correta das duas opiniões eruditas; em vez disso, o que é necessário é arrependimento e orações por perdão. Fim da citação.

Quer se diga que a expiação é necessária ou não, a expiação não expia o pecado de um yamin ghamus. Portanto, é essencial arrepender-se sinceramente.

Daí o Shaikh al-Islam Ibn Taimiyah disse em Majmu’ al-Fataawa (34/139), depois de mencionar a diferença de opinião acadêmica sobre a expiação por um juramento falso:

Mas, eles concordam que o pecado não é apagado meramente oferecendo expiação. Fim da citação.

Em terceiro lugar:

Um juramento falso, como outros pecados, pode ser expiado pelo arrependimento sincero. Não há pecado pelo qual o arrependimento não possa ser aceito, pois Allah abriu a porta do arrependimento para todo pecador, e Allah aceita o arrependimento daquele que se arrepende.

Allah diz (interpretação do significado):

“Dize: "Ó Meus servos, que vos excedestes em vosso próprio prejuízo, não vos desespereis da misericórdia de Allah. Por certo, Allah perdoa todos os delitos. Por certo, Ele é O Perdoador, O Misericordiador.” [al-Zumar, 39:53]

Ibn Kathir (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Este versículo é um apelo a todos os pecadores, kufar e outros, para que se arrependam e se voltem para Allah. Foi-nos dito que Allah perdoa todos os pecados daquele que se arrepende e se afasta deles, não importa o que sejam, não importa quantos sejam, mesmo que sejam como a espuma do mar. Existem muitos versículos sobre este assunto. Fim da citação.

E Allah sabe mais.

A Fonte: Islam Q&A