Sexta-feira 2 Dhu Al-Hijjah 1443 - 1 Julho 2022
Portuguese

Gotejamento pós nasal no caso de sinusite não afeta a validade do jejum

Pergunta

Qual é a regra sobre uma pessoa em jejum que tem sinusite e apresenta gotejamento pós nasal (acúmulo de muco na parte de trás do nariz e na garganta) enquanto está em jejum? Qual é a regra se a mesma pessoa acordar com sangue no nariz e gosto de sangue na boca?

Texto da resposta

Todos os louvores são para Allah.

Os estudiosos concordam unanimemente que se muco e fleuma passam pela garganta do jejuador sem que ele possa expulsá-los, isso não invalida o jejum, porque isso está além do controle do jejuador.

Shaikh Zakariya al-Ansaari ash-Shaafa'i (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Se o muco sai da boca ou do nariz e desce pela garganta e a pessoa não consegue expeli-lo, isso não quebra o jejum, porque ela está desculpada.

Fim da citação de Asna'l-Mataalib (1/415)

Mas se o jejuador o engole depois de ser capaz de trazê-lo para fora da garganta (para a boca), alguns dos estudiosos, como Imam ash-Shaafa'i, são da opinião de que o jejum é invalidado por isso. Mas a visão de Abu Hanifah e Maalik, e uma visão narrada por Ahmad, é que isso não invalida o jejum. Esta visão é considerada como mais provável de estar correta por Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele).

Veja: al-Majmu’ah al-Fiqhiyyah (36/259-261)

Ibn Nujaim al-Hanafi (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Se o muco entra no nariz do jejuador pela cabeça, ele o inspira e cai na garganta, como resultado de uma ação deliberada de sua parte, isto não afeta seu jejum, porque é como sua saliva.

Fim da citação de al-Bahr ar-Raa'iq Sharh Kanz ad-Daqaa'iq (2/294)

An-Nafraawi al-Maaliki (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

A fleuma que sobe do peito até a parte posterior da língua e é engolida não requer que o jejum seja compensado, mesmo que seja possível expeli-la. O mesmo se aplica ao muco, mesmo que atinja a parte posterior da língua e seja deliberadamente engolido; não é necessário compensar o jejum em nenhum desses casos.

Fim da citação de al-Fawaakih ad-Dawaani (1/309)

Shaikh Ibn ‘Uthaimin (que Allah tenha misericórdia dele) disse:

Se o muco não chega à boca, quer dizer, a pessoa sente descer de dentro da cabeça, e vai para a garganta, isso não quebra o jejum – pelo fato de que não atingiu o exterior do corpo, e a boca está sob a mesma regra que o exterior. Mas se chegar à boca, e a pessoa engolir depois disso, isso quebra o jejum. Porém, se não chegar à boca, então ainda estará sob a regra daquilo que está dentro, e isto não quebra o jejum.

Há outra visão sobre essa questão, que é a de que não quebra o jejum mesmo que chegue à boca e a pessoa o engula. Essa visão é mais provável de ser correta, porque não saiu da boca, então engolir não é considerado como comer ou beber.

Fim da citação de ash-Sharh al-Mumti' (6/424)

Resumindo: seu jejum não é invalidado por causa dos efeitos da sinusite, como muco, sangue e afins. Mas, se você for capaz de expulsá-lo e cuspi-lo, isso é preferível, para estar do lado seguro em relação ao seu jejum.

Pedimos a Allah que lhe conceda cura e bem-estar.

E Allah sabe melhor.

A Fonte: Islam Q&A